Cânceres urológicos: descubra os mais comuns entre os homens e como se prevenir.

Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes
Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes

O Doutor Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes é médico urologista, graduado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e doutorado pela Universidade Federal de São Paulo. Atualmente exerce a função de cirurgião geral, com especialidade em prostatectomia robótica, uma cirurgia minimamente invasiva, contra a cura do câncer de próstata. Com mais de 20 anos de experiência na área, o especialista explica quais são os cânceres urológicos mais comuns entre os homens e como se prevenir deles.

A Uro-oncologia ou onco-urologia é o segmento da Urologia responsável pelo diagnóstico, tratamento e prevenção de tumores malignos que atingem a próstata, rins, bexiga, testículos e pênis – órgãos do sistema urinário e reprodutor masculino. Os tumores na próstata, bexiga, rim e testículos representam mais de 90% dos casos. Alguns tumores urológicos apresentam altos índices de cura quando detectados em seu estágio inicial, por isso separamos alguns deles para ajudar na prevenção.

  • Câncer de próstata: Sua fase inicial pode ser bem silenciosa e não manifestar sintomas, por anos até. O Mestre e Doutor em urologia Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes diz que muitos pacientes apresentam um crescimento benigno da próstata, o que dificulta a micção e aumenta a frequência. Na fase avançada o câncer provoca dor óssea, devido a disseminação da doença para os ossos, sistema urinário e insuficiência renal. O tratamento do câncer de próstata pode incluir cirurgia de remoção (prostatectomia), tratamento hormonal (hormonioterapia), e radioterapia. Em casos avançados, a quimioterapia pode ser recomendada.
  • Câncer de bexiga: Esse tipo de câncer também é muito comum entre homens. Seus sintomas são parecidos com os de outras doenças do aparelho urinário: sangue na urina, dor ao urinar e a constante vontade de urinar. Não se sabe qual a causa exata do câncer de bexiga, mas ser fumante é um fator de risco determinante. Para prevenir este tipo de tumor, o ideal é tentar manter uma dieta equilibrada, rica em verduras, legumes e frutas, com ingestão de poucas gorduras.
  • Câncer de rim: Entre as possíveis causas de câncer nos rins estão o fator hereditário, tratamentos com diálise, hipertensão, fumo e a doença renal. O Doutor Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes diz que para prevenir a doença é importante ficar atento aos hábitos de vida e adotar estilos saudáveis como a prática de esportes.
  • Câncer de testículo: Esse é um tipo de câncer com baixo nível de mortalidade – as chances de cura podem chegar a 100% dos casos, quando descobertos na fase inicial. Entre os fatores de risco estão o histórico familiar, lesões e traumas na bolsa escrotal e criptorquidia e os sintomas mais comuns são: o aparecimento de um nódulo duro, dor na parte baixa do abdômen, sangue na urina e aumento dos mamilos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui