Métodos ágeis em advocacias: é possível? Veja como utilizá-los

Você já ouviu falar em métodos ágeis? Ou, melhor ainda, no método Kanban aplicado a advocacias? Então este artigo é para você! O advogado criminalista José Pedro Said Júnior — profissional da área com mais de 30 anos de experiência —, acredita que a utilização do Kanban na rotina do seu escritório pode mudar a produtividade, o que, consequentemente, gera mais resultados. Desse modo, se você quer entender como, confira os tópicos a seguir.

Mas, afinal, o que é Kanban?

Para quem não sabe, o método Kanban nada mais é que uma vertente das metodologias ágeis, a qual é utilizada para que seja gerenciado um determinado projeto de forma interativa e preventiva aos riscos. Na prática, segundo o advogado criminalista José Pedro Said Júnior, a ideia é que as demandas de tal projeto sejam cumpridas da maneira mais rápida possível, além de alinhadas com toda equipe.

Em outras palavras, o advogado criminalista José Pedro Said Júnior entende que o método Kanban pode ser entendido como um organizador de tarefas, algo que, por sua vez, é muito necessário no mundo moderno. Além disso, ele é extremamente flexível e simples, facilitando, dessa forma, sua aprendizagem e uso.

E como implementá-lo na minha advocacia?

Sendo assim, caso você não saiba, o advogado criminalista José Pedro Said Júnior explica: para implementar o Kanban em sua advocacia, é necessário seguir passos simples, como:

  • listar as tarefas a serem realizadas;
  • ser claro com relação aos prazos e outros requisitos;
  • distribuir demandas;
  • avaliar o progresso das demandas. 

Se você está se perguntando, é necessário que você saiba que essa metodologia ágil funciona de forma simples. Na prática, sua utilização se dá por meio da representação, em cartões/blocos, das atividades que devem ser realizadas. Esses, por sua vez, são listados em colunas e podem ser classificados, além de outros adjetivos possíveis de serem atribuídos

Dessa forma, é possível dizer, ainda, que o método Kanban configura três grandes benefícios às advocacias, sendo eles: deixar o fluxo de demandas e atividades mais organizado; visualizar melhor as atividades  e contribuir, dessa forma, para a satisfação do seu cliente; melhorar a eficiência e aumentar a produtividade. Para o advogado criminalista José Pedro Said Júnior isso é perfeito! E para você? Incrível, você não acha?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui