Plasfer: Como devo descartar o EPI corretamente?

A Plasfer Healthcare Products & Solutions é uma das maiores empresas portuguesas, com sede em Porto, de fabricação de produtos de segurança pessoal, como as EPIs, que promovem segurança aos trabalhadores e à população, ainda mais agora com a pandemia do coronavírus. Os especialistas explicam neste artigo onde descartar corretamente o material de proteção usado de forma correta.

No Brasil, o Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos (PGRS), definido por Lei Federal 12.305 de 2010, obriga o cliente primário e final do produto a criar uma política de descarte de resíduos, dentre os quais, encontram-se os EPIs. Mas quando se pergunta sobre o descarte, a resposta é sempre: depende. Isso se explica porque o descarte deve ser feito de acordo com o risco agregado sobre o equipamento de proteção pessoal ou pela sua função.

Então, se o EPI foi exposto a produtos químicos, por exemplo, deve ser descartado separadamente com uma indicação de que se trata de um equipamento com potencial de contaminação. Já as máscaras reutilizáveis e luvas de nitrilo, produtos da Plasfer Healthcare Products & Solutions, os mais usados no novo contexto mundial, o cuidado é um pouco diferente. Esses materiais, após utilizados, não devem ser colocados diretamente na lixeira, mas embalados em saco plástico, e também não devem ser misturados com materiais recicláveis. 

O ideal para a população é que as máscaras e luvas sejam descartadas junto com o lixo orgânico, como o do banheiro. Se estiver fora de casa, o material não deve ser jogado em lixos comuns das ruas, pois podem deixar o local potencialmente contaminado, o que expõe os moradores de rua e os catadores. Então, a recomendação é guardá-las em um saco plástico até que se possa fazer o descarte corretamente.

A Plasfer Healthcare Products & Solutions diz que as pessoas contaminadas com o novo coronavírus devem descartar todos os seus resíduos, incluindo os recicláveis, para a coleta comum. Este protocolo deve ser seguido para que diminua quaisquer possibilidades de contágio com a doença, fazendo com que contribua com o próximo, sem contar com a preservação da natureza pelo material contaminado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui