Você sabe quais são os principais sintomas causados pelo câncer de testículo?

Marco Antonio Quesada Ribeirto Fortes
Marco Antonio Quesada Ribeirto Fortes

O câncer de testiculo, de acordo com o urologista Dr. Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes, é um tumor consideravelmente raro que acomete, principalmente, jovens de 15 a 35 anos que já sofreram alguma lesão ou traumatismo na região.

Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes revela que, por ser silencioso, o tumor não apresenta muitos sintomas, entretanto, os mais comuns são:

  • Aumento do tamanho e do peso dos testículos;
  • Inchaço e sensibilidade na região das mamas;
  • Testículos duros ou presença de nódulos duros (por vezes com um tamanho de uma ervilha);
  • Dor ao apalpá-lo.

É importante, segundo o Dr. Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes, realizar autoexames com certa frequência, no banho, por exemplo.  pois ajuda a identificar alterações ainda em estágios iniciais, evitando agravamentos. O auxílio profissional (de um urologista) é fundamental para a obtenção de um diagnóstico e início de um tratamento adequado.

Quando o tumor se encontra em uma fase avançada, pode avançar, gerando sintomas mais graves, como cita Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes:

  • Dor nas costas;
  • Tosse frequente e sensação de falta de ar.
  • Dor na barriga;
  • Dor de cabeça frequente.

Trata-se de sintomas que indicam que o câncer se espalhou para locais como: pulmões, cérebro, fígado e nódulos linfáticos. O Dr. Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes explica que, mesmo sendo sintomas raros, o câncer nesta fase é bem mais difícil de combater, mas o tratamento ainda pode diminuir a lesão e aliviar sintomas.

As causas, comenta Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes, não são totalmente claras, porém, existem alguns fatores de risco são: histórico familiar, testiculo que não desceu, ter tido o tumor anteriormente e estar entre a faixa etária de 20 a 34 anos.

O tratamento depende do quadro, podendo ser feito por meio de radioterapia, quimioterapia ou cirurgia. O urologista Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes informa que sua taxa de cura é positiva, mesmo quando as metástases já se formaram. No entanto, quanto mais avançado, mais chances da remoção dos dois testículos se mostra necessária para a obtenção da cura.

Para mais informações, consulte-se com o urologista Dr. Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes e mantenha sua saúde em dia!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui